quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

A moça


A dimensão era outra; o encanto sempre o mesmo. Um aviso que você estaria cada vez mais perto.
A moça quer te encarar, mas você não permite.
A moça quer o seu íntimo, mas você sempre foge. Desaparece na velocidade de um cometa, um pensamento bloqueado, uma energia que você fecha.
A moça vai te procurar nos pântanos, bosques, igrejas.
A moça vai te buscar nos poetas, alucinógenos, mantras. Escancarando portas, invadindo palácios, quebrando espelhos.
Uma busca tão bela que até as fadas enfeitiçadas, agora são cúmplices. É sublime esse jeito puro que ela tem de te amar pisando em cacos de vidros, rasgando profecias sagradas.
É magnífico vê-la dedicando a você todos os prazeres do mundo.



quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Se não está bom, dê um jeito.

Hoje eu não vi a “cara” do dia, não vi a rua, a avenida, não vi pessoas. Melhor assim porque eu fiquei entretida com meus livros, jornais e filmes.
Dia nublado é um afago na minha alma. É aconchego para minhas dúvidas.
Hoje você não teve um dia bom, hoje você queria mais, hoje você ficou o dia todo no emprego que não suporta mais ou que não paga bem.
Hoje você mais uma vez usou a esperança como muleta para o seu comodismo. Até quando?
O tempo corre e leva com ele quem estiver disposto a correr riscos. O tempo não é tão bom assim; ele também faz de você uma pessoa obsoleta e esquecida pelo mercado de trabalho, pelas pessoas.
Se não está bom,dê um jeito.
Se não está bom,dê um grito de liberdade.
Se não está bom,procure um caminho mais promissor.


sábado, 26 de janeiro de 2013

Convidada de Honra


Gosto de ser sua convidada de honra. Vestida de cetim enquanto você provavelmente bebe mais um pouco de vinho.
Os corredores são imensos, fico a vontade, porém curiosa.
Eu não sei muito sobre você, eu sei apenas o que você deixa saber. Um enigma sedutor.
Tudo parece mover-se com rapidez e seguir o coelho branco talvez seja uma forma de conhecer melhor o lugar que você mora.
Quero ser sua bíblia, seu versículo mais lido, quero ser sua dose de insanidade, o apocalipse que te salva do tédio.
Sorrindo e seguro de si como sempre você finalmente apareceu, trazia uma coroa de doze estrelas para enfeitar meus cabelos dourados.
Ah, como você é lindo! Um Cristo, um Zeus, os sete pecados dentro de um abraço.


domingo, 20 de janeiro de 2013

Olhos Luminosos


Ele me vicia com seus olhos luminosos.
Uma força maior que invade a madrugada e me convida mais
um vez para brincar no subterrâneo.
O Príncipe que habita aquele lugar tem o caos dentro de si, tem a luz também.
Brincamos de manipular a realidade.


sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Cartas de Tarot


O imponderável que habita o seu ser é o que alucina.
O sorriso de mel escondendo luxúrias e ambições.
Eu queria tocar sua mão como na primavera passada e nunca mais ir embora sem você. Prisioneiro no meu castelo, meu amante nas madrugadas sombrias, te amarei nas tempestades, nas cartas de tarot.
Você vem e vai embora rápido demais. Fique mais para que eu possa ver mais de perto o mel que escorre dos seus lábios, o mel que mata inocentes.
Fique! Deite-se comigo, preciso encostar minha cabeça no seu peito, ouvir os gritos dos monstros.
Quero o seu coração no meu altar da paixão. 



segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Minha lei sou eu


O meu maior medo é morrer sem ter cuidado bem de mim. Eu que sou tão sozinha para enfrentar o mundo, eu que batalho todos os dias para conseguir uma qualidade de vida um pouco melhor. Eu que me amo imensamente, loucamente, cegamente.
Eu não deixo ninguém me machucar, estou sempre na defensiva e quando fico triste quero deitar no meu colo, porque eu só tenho a mim.
Só eu posso me reerguer e isso é forte demais aqui dentro.
Fujo quando o clima fica negativo, desapareço por uns dias,às vezes volto, muitas vezes nem quero voltar.
Não tenho apego, não projeto minha felicidade nas outras pessoas, meu sorriso nasce de dentro, minha satisfação pessoal vem do meu bem estar,do amor que tenho por mim sem medo de ser julgada como egoísta, egocêntrica.
O egoísmo é salvador; ele te salva da falta de amor-próprio, do penhasco que muita gente pula para amar o outro, para agradar.
Minha lei sou eu.


domingo, 13 de janeiro de 2013

SUAS REGRAS


A questão é:você já se tornou quem gostaria de ser ? O seu desejo mais forte?
Se você sente que já é, ou que está no caminho; então, por favor: não pare, siga SUAS REGRAS, seus instintos.
Agora, se você vive por viver: está na hora de refletir sobre os segundos preciosos da vida. O que te motiva a cada dia.
Meu mais forte pensamento já está energeticamente no ar.
Ninguém segura mais.


sábado, 12 de janeiro de 2013

Vilarejo

Qualquer dia desses, eu mudo para um vilarejo bem simples na Bahia e lá eu andarei tranquila, observarei seus moradores, conversarei sobre a vida, sobre o tempo, a morte, o amor que não encontrei.
Qualquer dia desses, eu fujo para bem longe desse consumismo diário e exagerado que tenta esmagar minha alma.



Moço, você é machista


Moço, você é machista.
Moço, você acha que mulher só serve para serviços domésticos e para ter filhos.
Moço, você merece uma surra de vara de marmelo, aquela que a sua mãe não te deu e não te ensinou que mulher pode muito mais do que pilotar fogão.

Recomendações a todos.

Era sábado de carnaval


Nasci em Ribeirão Preto (interior de São Paulo) no ano de 1980, mês de Fevereiro, em pleno sábado de carnaval.
Anotava versos, trocava papéis de carta, passei minha adolescência ouvindo Legião Urbana, Cazuza e Clara Nunes por influência do meu pai. Tenho alma de artista. Sou artista.
Escrever para mim é sempre um ato sagrado, como adentrar um templo.
Tenho que pedir permissão,tenho que me preparar. Parece mais um ritual.
Escrever é um ato de libertação.






segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

O meu coração dispara

Um dia no trânsito, ouvindo essa música, sem querer me veio você na mente.
Assim, eu vou escrevendo para eternizar pensamentos.Memórias que talvez nem sejam minhas,mas eu respeito.
Um olhar humano chamado enigma.



domingo, 6 de janeiro de 2013


Nós fizemos um pacto ♫ 



Califórnia


Você é o néctar proibido, os passos na calada da noite enquanto os olhos humanos descansam. O meu doce preferido e a água que mata a minha sede.
Eu te amo na nuvem negra. Quero ser a sua garota, o caleidoscópio que te leva à estrela dourada.
Quero ser o que te separa do bem e do mal, o que purifica e sangra em seu corpo.
Eu te dei a minha alma com laços de vaidades para você brincar de estrelato. Daqui pra frente eu te beijo em segredo, nos bastidores, no pôr-do-sol na Califórnia.


sábado, 5 de janeiro de 2013

Laylah - Corações



Todos estão dormindo, então Laylah pediu para que eu escrevesse. Diferente de Emily que chega com sutileza e doçura; ela é menina mimada que exige atenção, cheia de vontades e pressa.
Laylah queria prender os cabelos e passar batom cor de rosa, mas eu disse que era melhor deixar os cabelos soltos e passar apenas um brilho nos lábios. Ela é tão ruim às vezes, tão desumana e hoje está pensativa, com vontade de estraçalhar corações masculinos.
Particularmente eu tenho medo quando ela perde a compaixão, porque sei da sua ira.
Moço, eu estou com dó de você. Ela vai te matar aos poucos e cruelmente.
Moço, ela vai estraçalhar seu coração e perturbar mente com um sorriso lindo e cabelos louros ao vento.
Sua beleza esconde sua tempestade.
Ela não tem nenhum Deus e se não há Deus, também não há culpa.
Laylah estava aqui, mas já foi embora. Tem que enfeitiçar um coração a meia noite.
E depois? E coração?
Ah, depois ela abandona como sempre fez com seus brinquedos. Ela esquece.